Tufão, furacão e ciclone

Os tufões sempre são notícias no Japão, e recebem muita atenção, devido a todo impacto que pode causar na vida das pessoas. Tufão e furacão são tipos de ciclones tropicais, que ocorrem no mesmo oceano quente. O nome muda devido a origem de seu aparecimento.

Os ciclones tropicais no noroeste do Oceano Pacífico a oeste de 180 graus de longitude leste e no Mar da China Meridional são chamados de tufões, e nós chamamos de furacões e ciclones no norte do Oceano Índico, como a Baía de Bengala e o Mar Arábico.

No passado, os ciclones tropicais que eram originalmente furacões, mudaram de nome à medida que se deslocavam para o território do tufão. É comum ser chamado de tufão transfronteiriço. Em 14 de agosto de 2018, o furacão Hector, que se dirigia para o Havaí, cruzou a linha de longitude 180 graus leste e se tornou o tufão nº 17. Há também exemplos de tufões transfronteiriços que atingem o Japão.

Um tufão (esquerda) tem ventos fortes perto de seu centro, e um ciclone extratropical desenvolvido (direita) tem uma ampla área com ventos fortes (Fonte: site da Agência Meteorológica do Japão)

Você já ouviu a expressão “um tufão se transformou em um ciclone tropical” em uma previsão do tempo? Acontece quando um tufão que é um ciclone tropical, que se forma nos mares quentes ao sul do Japão e tem uma velocidade máxima do vento de 17 m/s ou mais. Portanto, “mudou para um ciclone tropical” significa que a velocidade do vento associada ao tufão diminuiu e a força enfraqueceu. Mas não é por essa alteração que estará mais seguro.

Veja aqui o blog que abordamos com alguns cuidados que você deve tomar: Vem aí a temporada dos tufões.

Um tufão tem ventos fortes concentrados perto de seu centro, enquanto o ciclone extratropical é caracterizado por ventos fortes numa vasta área. Então, o ideal é ficar de guarda e verificar sempre as ultimas notícias meteorológicas.

Fonte:Allabout

0Jp_post

Relacionado (a) Postagens

Deixe um comentário