Vantagens e desvantagens de se viver no Japão

Vamos levantar aqui alguns pontos pra te ajudar na decisão de ir ou não pro Japão. Se formos comparar o estilo de vida no Brasil, temos vantagens e desvantagens. A terra do sol nascente tem muitas possibilidades, embora não seja perfeita, como em qualquer outro lugar do mundo.

Colocando na balança

Se você tem filhos em idade escolar, uma preocupação é quanto a educação. As escolas japonesas são de graça até ensino fundamental II, e possuem uma boa estrutura, com atividades extras, incluindo atividade física. A maioria das escolas possui a sala de estrageiros, onde os alunos têm horas por semana com o professor, para tirar dúvidas e ajudar nas lições.  Além disso, muitas regiões do Japão, hoje em dia, têm escolas brasileiras. Elas são particulares e seus custos variam. Portanto pesquise a região que você tem interesse de trabalhar, se esse for seu caso.

Mas se esse não é seu caso, aproveite as oportunidades de prêmios e incentivos. Algumas empreiteiras tem vagas de empregos assim, se informe sobre as condições. Cada vaga com sua particularidade, umas com ritmo de trabalho diferente, alterando dias e turnos. Outras com condições de assiduidade ou produção. E tem algumas que até oferecem bônus após um período trabalhado! Confira algumas vagas que têm algumas dessas condições ( 200321, 200487200768 e 200839), e não perca tempo, candidate-se.

Uma vida mais saudável

Embora a rotina de trabalho em alguns lugares seja corrida, existem muitos parques para ter contato com natureza. Admirar as estações e suas belezas, além de práticar atividade física como caminhada. A maioria dos bairros possui um parque, com livre acesso 24h por dia. No outono e primavera, ficam lindos, para admirar as beleza naturais, e fortalecer seu organismo com exercícios.

A  culinária local também é diferente, mas com muitas opções de legumes e verduras, além de muito consumo de carne branca. Em muitas cidades, para ir ao trabalho ou mesmo, no meio do bairro, é muito comum você cruzar com plantações no seu trajeto. Há opções de passeios também, como visitação em estufas e plantações. Você pode comer as frutas produzidas ali, como morangos, uva e laranjas, de acordo com a sazonalidade.

Desastres naturais

A região é propícia a algumas desastres naturais, como terremotos e tufões. Mas existe uma preocupação muito grande, e informação contínua das prefeituras, quanto as áreas de refúgio, e do que fazer numa situação de emergência. Seja com providências pra dentro de casa, como: o que fazer quanto as janelas e portas, ou montar seu kit de emergência.

Além de esclarecer algumas situações do que fazer quando estiver dirigindo, andando na rua ou mesmo perto de alguma região em particular. Então ao escolher a região pra onde pretende morar, o ideal é pensar também o clima e as condições que poderão encontrar.

Diferenças salariais entre homens e mulheres

A maioria do Japão ainda tem diferenças salariais por gênero. Embora tenha algumas empresas que já pratiquem a equiparação do valor hora. O mais comum é o homem ter seu valor hora maior. Se você está como casal ou com família completa, a dica para juntar dinheiro, é viver com salário do homem da casa. Poupando o salário da mulher, na íntegra ou parte dele.

Ainda quanto as opções de vagas, temos também as diferentes jornadas de trabalho. Como a  parcial, que são jornadas mais curtas por dia ( para mães com crianças pequenas), ou as temporárias, por período curto de tempo. A jornada normal de trabalho mais comum é 8h por dia. Mas como existem diversos tipos de contratos, busque sempre as opções, e escolha a que melhor se encaixar com sua necessidade e disposição.

A balança da decisão

Para cada um, cada um dos itens aqui listados têm pesos diferentes, nas vantagens  e desvantagens, esteja você sozinho ou com sua família. Pense, pesquise e decidindo vir pro Japão, conte com nossa equipe para orientá-los e oferecer as melhores opções de emprego.

Fontes:

Prefeitura de Aichi

Consulado Brasileiro em Hamamatsu

Noturno_post

Deixe um comentário