Habilitação brasileira (CNH) no Japão

Quanto você se viu com poucas opções quando se viu aqui no Japão, sem dirigir? Nem todo mundo sabe, mas vamos explicar porque a habilitação brasileira infelizmente não é aceita para dirigir no Japão. Se bem que se você já possui a CNH brasileira, consegue agilizar o processo de assistir muitas aulas, provas e testes, e ter enfim a carteira japonesa num processo um pouco mais reduzido. Consulte aqui as vagas que temos para quem precisa de sogei (transporte pela empreiteira) ou possui condução própria.

Mão inglesa no Japão

O Japão só reconhece a Permissão Internacional de Dirigir com base na Convenção de Genebra, e o Brasil não emite suas licenças baseadas nessa convenção. Sendo assim, os motoristas habilitados no Brasil, tem que realizar a transferência de sua habilitação, afim de poder dirigir no Japão. Sendo que precisa ser residente no país, ter a habilitação válida e ser maior de 21 anos.

O que é mais compreensível diantes da mão inglesa de direção ( onde você deve se manter à esquerda), a alteração do lado de dirigir do veículo e claro, as placas em japonês. O trâmite é válido somente para habilitações brasileiras durante sua validade e para residentes no país. Se fizer uma busca em paginas das redes sociais ou mesmo no google vai encontrar as muitas auto escolas que podem ajudar nesse trâmite, incluindo intérpretes.

Habilitação do zero é possível

Se sua carteira de habilitação venceu ou pretende tirar sua habilitação do zero, o processo de forma resumida é composta por algumas aulas teóricas obrigatórias, e quatro exames práticos. Um pouco diferente do processo no Brasil, pois existem leis diferentes a respeitar, diferença nos veículos e as provas práticas, ocorrem dentro e fora do MenkyoCenter (local equivalente ao Detran brasileiro), no Brasil, o comum é uma área pública com menos fluxo de carros.

A habilitação e suas diferentes possibilidades

No Japão, já é permitido dirigir a partir dos 16 anos, motos de 50cc, e solicitar sua habilitação a partir dos 18 anos, para veículos de pequeno porte. Mas como todo país do mundo, o Japão tem suas leis de trânsito e é importante respeitá-las para não perder sua preciosa habilitação. As leis de trãnsito são mais rídidas que no Brasil, então é bom ficar alerta e respeitar tudo bem direitinho. Jamais tente levar vantagem, porque atitudes assim pode ccustar caro para sua habilitação e reputação. Vale mencionar que quem acumular 15 pontos na carteira perde automaticamente sua habilitação.

Fonte: Detran, Carteira Internacional e Eurodicas

0Jp_post

Relacionado (a) Postagens

Deixe um comentário