Rotina das crianças nas férias de verão

Uma coisa muito comum nas escolas japonesas, é manter a rotina de estudos mesmo nas férias de verão. Diante de inúmeras atividades, parece que nem são férias. É tanto material com lições de casa e atividades, que precisa organizar a rotina da casa, para que ninguém se estresse nessa época tão esperada, que são as férias de verão, o feriado mais longo, com cerca de 40 dias.

Um dia, pouco antes do início das férias, na escola, as crianças tem poucas aulas, é um dia de maior interação com os amigos. Nesse dia os alunos vão levar todo material para o período de férias. O ideal é ao receber todo material, e a partir daí montar um calendário semanal atrativo com adesivos, bem lúdico e visual, para que sua criança tenha prazer em executar as tarefas. Claro que se há tempo, uma cartolina branca, ou lousa serve para colocar as tarefas. O importante é fazer.

Tem que ter dia pra tudo: pra tarefa, pra brincar, ir ao parque, atividade em ambiente aberto, pra correr… ufa! Mas planejando, tanto a criança quanto os pais irão se preparar para isso, sem manhas e ressentimentos.

Reposição de material e energia

As crianças levam para casa todo material que fica normalmente na escola. Daí cabem aos pais organizar, repor o que acabou, lavar e limpar, como por exemplo os instrumentos musicais, o kit de pintura e caligrafia (shuuji). Os pais também têm atividades, como correção da lição de casa (através do caderno de respostas que veio da escola), monitorar as atividades e preencher a planilha da escola.

Uma prática muito comum das famílias japonesas, é visitar os parentes que vivem em outras cidades nesses dias de folga. Visitando parques, castelos e outros pontos turísticos da região. E principalmente criando memórias com toda família, para que as crianças relatem depois, na redação sobre as férias, quando voltarem às aulas.

E vai ter um dia durante as férias, que a criança vai ter que voltar a escola, para entregar já algumas tarefas e trabalhos. Que será avisado previamente, facilitando o transporte e ordem de execução.

Como motivar as crianças a mesmo de férias executar coisas

Uma forma de controlar e motivar a criança para que faça tudo o que está sendo necessário, é criar um esquema de pontos. Para cada tarefa cumprida, que vai desde: organizar cama, brinquedos, tarefa escolar, comer bem, não brigar com irmão e ou alguma outra tarefa que precisa que ele faça, ele ganha 1 ponto, estrela ou qualquer outra figura. No fim do calendário proponha uma tabela de trocas, uma quantidade de pontos vale tal coisa, que pode ser algo gostoso de comer, um passeio, livro ou algo de interesse dele.

Claro que esse esquema, conforme idade da criança, certas coisas são uma obrigação, ou uma cooperação dela junto a casa. Então tenha bom senso em fazer algo que seja alcancável (não colocar tarefas difíceis para crianças pequenas) ou algo muito simples (para crianças que já contribuam em casa). Pois essa situação é para ser algo motivacional, e não um caça presentes!

Comer e dormir bem

Para que as crianças mantenham ritmo de crescimento saudável, dormir e se alimentar de forma adequada é essencial. Os pais também devem se programar para esse momento, já que a rotina da casa vai mudar. Durante fim de semana, organize o que será servido durante toda a semana. Lembre-se de deixar sempre frutas disponíveis, e muito líquido na geladeira.

A hora de acordar e dormir já é um desafio em muitas casas. Proponha um leve “refresco ” no horário que já é da rotina fora das férias. Inclusive deixando horários de cochilos para crianças menores. Aparelhos eletrônicos, fora das mãos das crianças pelo menos 2 horas antes delas dormirem. E o tempo de utilização dos eletrônicos durante o dia, varia conforme faixa etária. Mas fique atento, as crianças imitam o comportamento dos pais, portanto nada de deixá-lo longe do tablet ou celular, e ao invés de prestar atenção nele, ficar zapeando as redes sociais. 😉

Sogei_post

Relacionado (a) Postagens

Deixe um comentário